Okutiuka.jpg

Em 2014, o primeiro ano do Angola Restaurant Week, conseguimos angariar mais de 300.000 AKZ para o Lar Okutiuka, no Huambo, fruto da venda de cerca de 3.000 Menus Restaurant Week pelos 26 restaurantes aderentes. Foram revertidos 100 AKZ por Menu Restaurant Week vendido e os fundos revertidos foram usados para tratamentos de saúde de vários rapazes do Lar.


Em 2015, subimos a fasquia da contribuição para 500 AKZ por menu vendido e angariamos mais de 1.300.000 AKZ para o Lar Santa Madalena, no Cazenga. O Lar conta com graves problemas habitacionais durante a época de chuva e os fundos revertidos estão a ser usados para obras de ampliação do seu dormitório e para a compra de um novo fogão que assegure a alimentação dos residentes do Lar.

*Foto do Lar Santa Madalena, acima, por Ampe Rogério (Rede Angola)

Uma das delapidadas salas de aula do Lar Santa Madalena, que funciona também como escola.

Algumas das crianças residentes do Lar Santa Madalena, no Cazenga


A instituição beneficiadora do Angola Restaurant Week 2016 foi o Centro Social Santa Bárbara, também conhecido como Orfanato Mamã Muxima, localizado na Praia do Bispo, em Luanda. Angariamos mais de 4.270.500 AKZ para o orfanato.

“Actualmente o nosso Centro só sobreviva graças ao apoio de pessoas de boa fé,” explicou-nos a Irmã Lucrécia, a principal responsável pelo Orfanato. Segundo ela, entre as carências mais visíveis do Centro estão a alimentação, o vestuário, e os valores não só para o pagamento das propinas dos jovens que pretendem continuar os estudos após o nono ano, mas também para o pagamento das numerosas consultas anuais dos mesmos. A saúde é a que mais sofre com a falta de apoio institucional.

As doações do Angola Restaurant Week ajudaram a colmatar, a curto prazo, as principais carências do Centro.


Em 2017, acompanhando o crescimento do evento, as instituições que beneficiaram do Angola Restaurant Week foram o Orfanato Pequena Semente, em Cacuaco, e o Dom Bosco, um centro de acolhimento de meninos de rua localizado no Sambizanga. Cada uma destas instituições recebeu 2.192.000 AKZ.

21112017-FFS_4059.jpg
21112017-FFS_4054.jpg

Fundado há 13 anos, o Orfanato Pequena Semente é fruto de uma iniciativa pessoal do Pastor Frank Cassule, que abriga 103 crianças de ambos os sexos, dos 4 aos 18 anos.

O orfanato alberga uma escola primária, que as crianças frequentam da 1ª à 6ª classe. Dependente da boa vontade ocasional de particulares e empresas, infelizmente nem sempre conseguem suprir as necessidades de alimentação, saúde e educação existentes.

O Centro Dom Bosco, até onde nos consta, é o único centro de acolhimento de meninos de rua de Luanda, com uma estrutura invejável e um compromisso muito forte com a sua missão.

O centro tem diversas equipas de trabalho que têm as suas funções bem definidas, nas principais etapas de trabalho com os meninos de rua: a Equipa de busca, que encarrega-se de fazer o primeiro contacto com os meninos de rua, andando pelas ruas de Luanda e tentando convencê-los a ir para o centro; a equipa responsável pela formação académica dos meninos que decidem ficar no centro; e a equipa de formação profissional dos mesmos, em parceria com o Centro de Formação Profissional de Catete.

As doações do Angola Restaurant Week visam colmatar, até onde for possível, as principais carências dessas instituições. Mas esperamos este seja somente um pequeno passo nessa direcção; convidamos também os restaurantes aderentes e à ti, prezado leitor e degustador do Angola Restaurant Week, a fazer mais por essas crianças, ajudando como for possível, pois qualquer tipo de contribuição será bem-vinda.

2017-10-25-PHOTO-00006546.jpg
2017-10-25-PHOTO-00006554.jpg